Contact Us

Use the form on the right to contact us.

You can edit the text in this area, and change where the contact form on the right submits to, by entering edit mode using the modes on the bottom right. 


Rio de Janeiro, RJ,
Brazil

21 96469 2449

Aqui você pode acompanhar meu percurso profissional e minha perspectiva de trabalho com a Psicologia corporal e o Tantra

2017-05-10 00.38.27.jpg

O caminho espiritual do tantra e taoismo

O Tantra e taoismo são filosofias que contam com mais de 5.000 anos de antiguidade. Entendem a sensorialidade como meio para o autoconhecimento através da consciência do corpo. Vêem a energia sexual como potencializadora da vida, intrinsecamente ligada a espiritualidade. Esses ensinamentos estão inteiramente para além da sociedade e propõe o encontro com a plenitude, ou o nada.

Observa a eterna mudança entre a morte e a vida, a materialização e desmaterialização. Esse eterno ir e vir da consciência e inconsciência, apego e desapego. o encontro com as contradições entre o ser e o não ser, a matéria e a energia. Contradições entre o compreender e o conhecer. Entre o sentir e o pensar, entre o fragmento e o todo.

O seu ser é um não ser.

Seja a experiência de um espaço aberto, um vale, o útero, o receptivo, o feminino. Torna-te uma flauta e a canção começa quando o sopro vier. Torna-te um templo oco para que a experiência venha até você, pois na verdade ela já está em você.

A experiência acontece a partir do momento que não tenta controlar mais.  A mente controla, mas o nada não precisa de apoio. Esse nada existe por si mesmo. Quando encontra com o vácuo. Torna-te ninguém e o orgasmo não acontece quando tu és alguém, quando se identifica. O orgasmo acontece com a perda da identidade, ir de encontro ao abismo. Essa duração da percepção do vazio é pouca e infinita. O ego determina e julga a realidade para dela o sujeito tirar o bom e o ruim.

Não negue nada.

Não tente suprimir a experiência, não se apegue, apenas observe-as e elas desaparecem, pois não são retidas e continuam a mover-se. A cólera, avidez, ciúme desaparecem, não porque são maus, mas porque não tem mais motivo de existir constantemente em você. Eles podem ir e vir com leveza.

Seja autêntico. Mesmo uma cólera autentica é melhor que um sorriso falso. Use sua própria loucura, compulsões neuróticas, fantasias e energias para criar uma explosão interior para transformar seu mundo intimo. Não através de ideologias externas ou moralidades impostas.

Não edifique tua mente e tuas ações

A verdade não é uma ação, não é uma forma , não pode se tornar um habito, pois estará morta assim. A verdade é um estado de ser.

A ética dos segredos sexuais não é fixa, não envolve regras absolutas e julgamentos. Baseia-se na consciência das próprias decisões.

Um ideal antecipa-se a experiência. Liberdade é descondicionar-se a cada momento. A percepção exige liberdade. Sem liberdade não percebemos a realidade e sim criamos realidade a priori.

Não faça esforço, não lute contra si mesmo. Não busque demais a disciplina, pois ela se tornará dependência, será uma prisão. Não tente impor coisa alguma ao seu ser, a ti mesmo. Não queira ser bom nem moral, não queira.

A experiência já está aí, não precisa procurar.

Começa a procurar e já perderá o que procura. Quanto mais procura, mais o ego se fortalece nessa procura. Quando procuramos já temos algo em vista. Isso nunca será alcançado porque o que vai encontrar sempre será diferente do que se imagina.

Fique apenas onde está, não vá à parte alguma. Não há mapa e não há ninguém realmente para lhe dizer onde a experiência está.

A realização não se dá através da renuncia e recusa, mas da aceitação e da receptividade, não através das regras, mas do regozijo.

Toda renúncia, ascetismo, meditação regrada e resoluta é secundária. Precisamos de recursos e técnicas para entrar em contato com certas percepções, mas nada disso é mais importante do que a busca honesta de presença e conexão e leveza.

Através da atenção que as coisas se alimentam.

Não seja a favor e nem contra a dúvida. Se der atenção a sua dúvida, ela se fortalece. Apenas a observe indo e vindo, passando.

Na dúvida encontramos sempre racionalizações que apoiam sua negatividade. Na crença temos uma atitude cega em relação ao positivo, encontramos sempre racionalizações que apoiam uma atitude a “favor”. A dúvida suprime a crença, a crença suprime a dúvida, mas são ambas do mesmo tipo, mesma qualidade.

Atingir o nada é observar sem avidez e aversão.

Ser indiferente. Atingir o nada é atingir tudo.

Se sentires que está bem aventurado ou amaldiçoado, tornarás vitima do sofrimento.

Viva momento a momento, viva a vigilância desprendida. A atenção despretensiosa.